Browsing All posts tagged under »Mariana Ianelli«

Tristeza estranha [Mariana Ianelli]

novembro 3, 2018

0

O tempo não é de temperança, você sabe. Pode vir São Mateus em pessoa dizer que basta a cada dia o seu mal, que, para nós, os males agora se atropelam, eles mesmos descumprindo o quinhão de cada dia. É triste ouvir pela janela o eco do hino nacional. Triste de verdade, tristíssimo. Que mãe […]

Brincadeira de menina no mau tempo [Mariana Ianelli]

outubro 20, 2018

3

Para Heloiza Abdalla Está vendo o céu todo cinza lá fora? Tem um sol escondido lá em cima. Tem um azul com avião além das nuvens. A bola do mundo passa rolando, vai parar debaixo do sofá. Vamos regar nosso bonsai? Vamos ouvir o feitiço do djembê e a água que faz um chocalho de […]

Hoje, amanhã e depois de amanhã [Mariana Ianelli]

outubro 6, 2018

0

Hoje O jogo é com rostos e números. Quantos conhecem sua casa? E a sua cozinha? E o seu banheiro? Quem você teme? Quantos já se afastaram de você? Quem conhece o seu pior? E o seu melhor? E a sua cama? Quem você ama? Na frente de quem você já chorou? Com quem já […]

Cinema de criança [Mariana Ianelli]

setembro 22, 2018

2

Podemos entrar e sair do escuro, e não nos molhamos. A lua minguando no céu parece uma banana. A corrente do balanço canta como a janela da vizinha canta como a roda do carrinho canta num faz-de-conta de passarinho. Um buraco no tomate aberto com o dedo dá numa casa de minhoca. Com água e […]

Etty [Mariana Ianelli]

setembro 8, 2018

0

Para o pe. Antônio Damásio Etty Hillesum é um nome que vem ganhando o mundo desde as últimas décadas. O que parece ser um boom literário é na verdade resultado de uma repercussão inevitável, que começa com a publicação clandestina de dois textos durante a guerra, um nada de pólen capaz de mudar a cor […]

Ex-amigo [Mariana Ianelli]

agosto 25, 2018

2

Não se faz a toda hora um ex-amigo. Cada um vem de uma bem vivida conquista. Alguns levam décadas para se fazer, outros, alguns anos apenas. Onde tudo começa nem sempre aparece como um fato, às vezes vem com um sentimento, como se do nada um mal-estar, no marear de uma suspeita. É de repente […]

Animais crepusculares [Mariana Ianelli]

agosto 11, 2018

7

Hoje eu queria aquele fogo de você que me provoca a inteligência. Passaríamos um tempo sem hora a falar de coisas bonitas e terríveis. Sabia que Maria Madalena chamava a alma de assassina? Sabia que existe uma petúnia que se chama night sky e é mesmo uma flor cheia de estrelas? Seria tão bom esse […]