Browsing All posts tagged under »Daniel Russell Ribas«

Os fatos acerca dos desaparecimentos no edifício Waldemar [Daniel Russell Ribas]

agosto 19, 2019

0

Tudo começou há pouco mais de um ano. Pode ser. Não lembro. Eu só sei que estou com muita fome. Não como há dias. Tudo o que tinha no estoque, mesmo estragado, acabou. Mas não posso sair. Tenho medo. Ouço os gritos simiescos rondando as janelas como as trombetas do Anjo da Morte e tremo. […]

Odeio meus pés [Daniel Russell Ribas]

agosto 5, 2019

1

Não sou um pavão para ficar ligada em aparência. Só a superficialidade me irrita. Se o cara é novo, velho, magro, gordo, estilo lenhador ou careca (desde que não seja nenhum desses em excesso, tipo mórbido), beleza! Ter bom papo e pegada são essenciais e tão tão em falta no mercado… Ah, desculpa, é que […]

Nossas lojas são lindas [Daniel Russell Ribas]

julho 22, 2019

0

… E só isso mesmo. Foda. Boa tarde, posso ajudar em alguma coisa? Até agora, 11 foram para o RH e até o fim do mês mais irão. Senhora, qual foi o livro que a senhora viu na tv? Um bocejo e justa causa. A saia é justa, o salário nem tanto. Lembra-se de algum […]

Revendo “The Doors” [Daniel Russell Ribas]

julho 8, 2019

0

O tempo é o melhor amigo. Recusa complacência, pois a sinceridade é o alvo. Nisto, a arte surge como um filhote faminto, que cresce em musa ou medusa. Ao rever “The Doors”, senti-me tocado de uma forma incômoda e fascinante. O crítico de cinema Roger Ebert definiu o filme “The Doors” como uma comemoração infernal. […]

Busão na chuva [Daniel Russell Ribas]

junho 10, 2019

5

Muito bem. Estou no ônibus 570. Sem ar condicionado. Lotado. Do lado de fora, chove. Janelas fechadas. Sem ar condicionado. Abafado. Neste ambiente, os passageiros, sem saída, conversam. Primeira situação: Um senhor carregado de sacolas entra, forçando seu caminho até a traseira do ônibus. Parece sem fôlego. – Abra as janelas. Tudo fechado… vai espalhar […]

Confissão de um viciado em livros [Daniel Russell Ribas]

maio 27, 2019

6

Tenho uma biblioteca de tamanho considerável. Apesar de ocupar bastante espaço, prova-se mais do que passatempo. É bem útil em meu trabalho como revisor e preparador de textos. Também está sempre à mão de minha namorada quando ela necessita… jogar algo em minha direção quando está com raiva. Fico puto, que é o objetivo dela. […]

Para adubar terra [Daniel Russell Ribas]

maio 13, 2019

2

“Que cabelo estranho” – e as pequenas mãos se multiplicavam e delas dedos saíam, dedos a não ter mais fim. Ela olhava as outras crianças sem se sentir parte. Para brincadeiras, não era chamada. Ficava sozinha nas festinhas dos colegas. Chorava muito, e o pai a confortava. Só era notada pela pele, uma cor diferente […]