Search Results for »alexandre brandão«

Três leituras [Alexandre Brandão]

junho 25, 2017

0

(Imagem: Átila Roque) Meu amigo Ricardo me deu “Águas-fortes cariocas” (Rocco), livro de Roberto Arlt, escritor argentino, contemporâneo de Borges, o cego. Águas-fortes era o nome da coluna que o escritor mantinha em um jornal de seu país, na qual escrevia o que se pode chamar de crônicas. Pois bem, em 1930, Arlt veio ao […]

Essas palavras… [Alexandre Brandão]

junho 11, 2017

6

(Imagem: Átila Roque) … um tanto quanto clichês Naqueles dias eu matava grito a perros e dormia de olhos deitados e corpo fechado. Sopesava cá com meus bordões jobinianos: o brasileiro não é para princípios claudicantes. Tentado a me distrair, assoviava tocatas e afastava-me da filosofia esbeiçando o pensamento em frase desfeita, por exemplo, uma […]

O som dos destroços [Alexandre Brandão]

maio 28, 2017

7

(Imagem: Átila Roque) Escrevo esta crônica a partir da perda de uma foto, aquela 3 x 4 que o tio Raul me deu. Tinha uma dedicatória: “A mi querido sobrino Alexandre, un abrazo fuerte y apretado de su tío Raulito”. As palavras, se não eram essas, soavam mais ou menos assim e foram escritas em […]

Treze quilômetros e o que veio depois [Alexandre Brandão]

maio 14, 2017

7

(Imagem: Átila Roque) Naquele dia, como é meu costume, saí para caminhar. Um aplicativo disse que, ao voltar para casa, eu havia andado justos treze quilômetros, não tenho como negar, mas meu cansaço indicava menos. Quando me meti, lá pela metade do trajeto, na pista Cláudio Coutinho, além de, logo na entrada, encontrar uma senhora […]

Passeio na praça [Alexandre Brandão]

abril 30, 2017

9

(Imagem: Átila Roque) Ponhá o vestido novo, cosido enquanto cozinhava a vida em pano-maria. Botá o batom no tom, o esmalte mate, sem esquecê o colar e os brincos, tudo numa harmonia só, dessas de dá dó das dondocas bem-nascidas, mas sem encanto. Suspirá do jeito de uma avó avoada com a cabeça no vai […]

A dor no jornal [Alexandre Brandão]

abril 16, 2017

4

(Imagem: Átila Roque) Quatro balas se perderam no corpo de Maria Eduarda, uma jovem de treze anos. Temos de mudar a narrativa, isso de “bala perdida” tem limite. Quatro? Francamente. Se não foi massacre — apenas a perversidade justificaria uma coisa dessas, haja vista que uma inocente morta não melhora a imagem da polícia ou […]

Instituto Estação das Letras: espaço de resistência [Alexandre Brandão]

abril 2, 2017

7

(Imagem: Átila Roque) No último dia 23, a Estação das Letras, espaço esplendoroso que Suzana Vargas e um time pequeno e aguerrido mantêm no Rio de Janeiro, completou 21 anos. Com a maioridade, veio a transformação. A Estação virou um instituto. É uma mudança jurídica, mas também um desafio, haja vista que agora, além das […]

Trouxa não sou e tolo ele não é [Alexandre Brandão]

março 19, 2017

9

(Imagem: Átila Roque) Alexandre Brandão* Em 1982, Blade Runner estreou nos cinemas brasileiros. Eu tinha vinte e um anos, era um garoto articulado, assistia a filmes incompreensíveis e os entendia muito bem, o que não aconteceu com esse de Ridley Scott. Uns anos depois, fui revê-lo e, aí sim, a ficha caiu. Aquela ficção acerca […]

Efemérides (quase familiares) de março [Alexandre Brandão]

março 5, 2017

9

(Imagem: Átila Roque) Alexandre Brandão* Rosa de Luxemburgo nasceu num 5 de março, assim como, citando um dos nossos, Heitor Villa-Lobos (que viria a morrer num 17 de novembro, dois anos antes de eu nascer e no mesmo dia do nascimento de meu amigo Átila). Ambos no século XIX. No século XX, a data trouxe […]

A crise [Alexandre Brandão]

fevereiro 19, 2017

10

(Imagem: Átila Roque) Alexandre Brandão* Sempre há os que são capazes de compreender o movimento geral dentro de um contexto histórico. A crise econômica, por exemplo, com a fuga do emprego fabril das economias centrais, explicaria o fortalecimento da direita populista, evidente no caso Trump, mas também visível na Europa. Na Áustria, por pouco esse […]