Search Results for »madô«

O ipê amarelo [Madô Martins]

setembro 21, 2018

0

Talvez gema baixinho, ao deixar cair flores quando a barraca da feira achata sua copa, por algumas horas. Mas, no restante da semana, ele encanta o olhar de quem passa, com sua timidez graciosa. Alguém plantou, não sei quando, uma árvore de cada lado do portão do prédio, mas só esta vingou. De arbusto, tornou-se […]

Dias sem sol [Madô Martins]

setembro 7, 2018

0

Hoje somos Ícaros de asas derretidas, filhotes de pássaros caídos do ninho, peixes trazidos nas redes e não devolvidos ao mar. Pouco a pouco, foram podando nossas asas, expulsando-nos do território conhecido, suprimindo-nos o ar. A índole benevolente e a ignorância crédula nos fazem protestar gritando baixo, sem cobertura da mídia, enquanto o mal passa […]

Artistas [Madô Martins]

agosto 24, 2018

1

Alice Ruiz escreveu que a gente sabe que está viciada nas telinhas, quando levanta de madrugada para postar. Faço parte do time. Já virou rotina, quando o sono se aproxima, uma ideia impertinente fazer barulho dentro do cérebro e me cutucar, até que eu me mexa. Lá vou eu, olhos semiabertos, cabelo revolto, arrepios por […]

Álbum das saudades [Madô Martins]

agosto 10, 2018

2

pentimento vestígio de uma composição anterior ou de alterações em um quadro, tornadas visíveis com a passagem do tempo . É quase um pentimento, a série que iniciei por acaso no FB e já se aproxima do 50º capítulo. São lembranças remexidas em um baú antigo, com impressões da menina que ainda me habita. Talvez […]

Sabor de lar [Madô Martins]

julho 27, 2018

3

Canja esquenta. Canja reconforta. Canja cura. Canja tem sabor de lar. Sempre que, ainda menina, adoecia, lá vinha a avó com sua canja que produzia milagres. Seu amor líquido descia pela garganta, envolvia os órgãos internos, preenchia meus vazios e, em pouco tempo, tudo voltava ao normal. A avó trabalhava o dia inteiro dentro de […]

Arrebatamento [Madô Martins]

julho 13, 2018

0

Assim é: qualquer coisa que nos arrebate faz a vida acontecer. E pode ser quando menos esperamos, essa paixão repentina que acelera o sangue nas veias, apura os sentidos, revive forças adormecidas. Sem muito planejamento, ganhei a companhia de outros dois idealistas, formando um trio empenhado em tornar realidade um evento sobre os canais de […]

Sobrevivendo [Madô Martins]

junho 29, 2018

0

Engasgava à toa, desde pequena, preocupando toda a família. “Tirem essa menina daqui” – dizia o tio solteirão, à mesa do almoço, porque a amava tanto que o atormentava sua sufocação. Engasgava com líquidos, sólidos, ar inspirado na hora errada. Engasgava de timidez, de preocupação, de medo. Engasgava com a vida. Cresceu, e aprendeu a […]

Namorados [Madô Martins]

junho 15, 2018

1

Primeiro veio o minuto Que a gente teve pra viver Depois de tudo, toda vida Que a gente teve pra esquecer (Senhoras da Estrela Cadente – Julinho Bittencourt/Marcos Canduta)   Talvez fosse a proximidade do Dia dos Namorados. Talvez fosse uma saudade fossilizada em anos de silêncio. Mas quando o sempre descontrolado calendário do computador […]

Cabrito na sala [Madô Martins]

junho 1, 2018

0

Na quarta-feira, as ruas já não estavam tão desertas. Havia filas compridas nos postos de gasolina e já eram vistos alguns caminhões entregando produtos nos supermercados. A esperança de dias melhores voltou a circular pela cidade, ainda que timidamente. No pior da crise, os munícipes, mesmo achando justas as reivindicações dos caminhoneiros, sentiram-se personagens da […]

Como orientais [Madô Martins]

maio 18, 2018

1

Duas vezes por semana, viro relva, viro ave, viro nuvem… É isso que o tai-chi faz acontecer, e o efeito dessa metamorfose dura o resto dos dias, como lembrete de que, em meio ao caos, é possível ter paz e felicidade, porque a fonte geradora dessa boa energia pulsa dentro de cada um de nós […]