Browsing All Posts filed under »Crônicas«

Sobre calcinhas e cuecas [Rubem Penz]

janeiro 15, 2021

6

Para quem deseja investigar a distância que separa os dois gêneros de nossa espécie, antes de recorrer aos tratados científicos, sociológicos, antropológicos ou psicológicos, abra a porta do roupeiro e, depois, a gaveta destinada ao repertório íntimo. Por mais despojada que seja a mulher, por mais vaidoso que seja o homem – limites capazes de […]

Uma rosa para aqueles doidos mansos [Cyro de Mattos]

janeiro 14, 2021

2

A cidade tinha seus doidos mansos, suas manias faziam com que gente adulta sorrisse e os meninos mangassem quando deparavam a cena engraçada. De tão mansos mal não faziam a uma mosca. Ingênuos, indefesos, triste gente perseguida pelo fado. Incansáveis atores na vida diária, funcionavam como o riso da rua. Havia Mula-Manca, só andava bêbado, […]

Dicas práticas para a criação de um Estado [Marco Antonio]

janeiro 13, 2021

2

Excepcionalmente hoje, repete-se uma crônica de Marco Antonio, que voltará com um novo texto na próxima rodada.  ________ Diz Noam Chomsky que os Estados Nacionais são ou serão a nova fronteira deste mundo, onde os cidadãos, transformados em meros consumidores pelas poderosas megacorporações supranacionais, travarão contra essas a milenar luta pelas questões que dizem respeito […]

O espelho partido [Cássio Zanatta]

janeiro 12, 2021

7

Sobrou o armário no velho quarto. Sobreviveu a todos. A porta nem mais abre direito, range em protesto, mas o espelho continua. Está quebrado, seu vidro partido divide a imagem em duas metades, que não se encontram, num salto de continuidade entre as linhas. Um cubista tardio. Há manchas de ferrugem nos cantos. São as […]

O olhar do artista [Cícero Belmar]

janeiro 11, 2021

3

Não se sinta a última das criaturas caso desconheça o que é Land Art. O termo, pouco usual, ganhou as páginas recentemente quando a artista plástica Juliana Notari compartilhou fotos no Instagram da escultura de sua autoria cujo título é Diva. Uma vagina de 33 metros, esculpida a partir de uma fenda escavada numa montanha […]

Punhado de ninharias [Raul Drewnick]

janeiro 10, 2021

0

A beleza vai moldando de tal forma as mãos de quem lida com ela que é como se um jovem camponês dos mais broncos pudesse, anos depois, dedilhar uma rosa e extrair-lhe sons que nem o mais exímio dos ventos conseguiria. *** Sobre um lendário poeta parnasiano conta-se que uma tarde, ao chegar à sua […]

Um velho solitário amigo [Mariana Ianelli]

janeiro 9, 2021

0

Hoje eu quero ler um daqueles escritores sobre os quais ninguém mais fala. Um daqueles esquecidos como as casas sem visita sobre as quais nascem outras casas feitas de plantas e bichos. Quero visitar esse esquecido sem vaidade de senhor de garimpo, com discrição mútua, assim, sem nem citar seu nome. Visitá-lo sem deixar maiores […]

Vacina literária [Madô Martins]

janeiro 8, 2021

1

A pandemia tem seu lado B, e a letra é de bom. Mais uma vez, a arte superou o desamparo e, ao longo desses meses todos de confinamento, preencheu o vazio. Íntimos da solidão, escritores recriaram o caos, produzindo livros. Reviraram as gavetas da memória, tiraram o pó da estante dos sentidos, remexeram as entranhas […]

Nossa vacina diária – feliz ano bom! [Tiago Maria]

janeiro 7, 2021

4

Um ano para esquecermos ou para ser lembrado? Fomos individualistas por estratégia de vida, nos isolamos para preservar o outro, afastamos os nossos afetos por inteligência, nos mantivemos mascarados, assépticos e distantes a maior parte do tempo. E vencemos. Estamos vivos para destacarmos a última bendita folha do calendário. Muitos não conseguiram, a estes, por […]

Ninguém esperava [Drica Muscat]

janeiro 6, 2021

2

Não é somente toda a tradição que esse período envolve. Estar ao lado da gente amada, a discussão sobre Panetone ou Chocotone, chama ou não chama a tia fulana pra festa (vou resolver pra vocês, não chamem, gente, é pandemia), tem pavê, mas é pavê? As crianças vestidas de frufrus que fazem coçar até quem […]