Browsing All posts tagged under »Elyandria Silva«

Vestida de tristeza [Elyandria Silva]

agosto 8, 2017

3

A bengala a apoiava, sustentava a grande massa de peso que constituía o corpo, agora já desgastado pelo tempo. Duas senhoritas sorridentes, com sapatilhas lustrosas, uma de cada lado, cada uma segurando um braço. Houve um encontro com outras mulheres, beijos, cumprimentos, coincidências de um típico domingo de eleição. A senhora ali, no meio de […]

O dia em que decidi ser uma árvore [Elyandria Silva]

julho 25, 2017

0

Não conheço ninguém que tenha medo de árvores. Conheço muita gente que tem medo da velhice. A velhice e as árvores são companheiras seculares. Ambas com currículo enigmático. Ambas, em certos momentos, desdenhadas pelos mais jovens ou por aqueles que acreditam que nunca ficarão velhos. Às vezes, observando-as, as árvores, tenho a impressão que são […]

Cena de areia [Elyandria Silva]

julho 11, 2017

0

Negro bonito chamuscado com areia branca. A canela magra. O joelho ossudo. Os dedos finos que voltavam a ser pretos em segundos, depois que a areia quente escorria para sua casa. A casa da areia é dentro dela mesma, mesmo que o mar tente invadir a cada segundo. Assim deveria de ser com todos: que […]

Franja torta [Elyandria Silva]

junho 27, 2017

2

Franja torta, um lado mais curto que o outro, resultados de um cabelo cortado em casa pelos familiares. Que nada, nenhum problema, quando o processo de corte terminava, retirava-se a toalha das costas, espanava os fios cortados dos ombros com uma escovinha e todos iam para o espelho ver como tinha ficado. Satisfeitos, todos sorriam […]

Prédio rosa [Elyandria Silva]

maio 30, 2017

3

Além de nós, da farmácia que ficava na esquina, da loira bonita da loja da frente que nos sorria com carinho, do moço dos olhos azuis que trazia feijão para minha avó, e de tantos outros moradores, vivia, discretamente, do outro lado da rua, três casas para frente, a senhora dos cabelos negros, aparecia de […]

Avisos [Elyandria Silva]

maio 2, 2017

0

Profissão: Encanador Amor: Eterno Comida: Feijão com arroz Um desejo: A ressurreição de um amor O aviso veio de madrugada, na sarjeta de um céu acinzentado. Ele acordou passando mal, levantou, foi até a janela e abriu-a. Um sussurro suave acenou pelo pensamento. Conseguiu respirar fundo e quando se sentiu melhor sabia que ela havia […]

Bolsa chocolate [Elyandria Silva]

abril 18, 2017

1

A discussão já estava ficando acalorada entre o casal, ela queria levar os ovos mais caros, ele os mais baratos e, por consequência, menores. Ela, era só sorrisos (inclusive para mim) e disposição para encher o carrinho, ele, era só cara feia com cobertura de disposição zero, mais conhecida como “saco cheio”. De repente, sumiram […]