Projeto de Rubem Penz vence o Prêmio AGES 2017

Posted on 06/08/2017

5



O livro de crônicas inspiradas em Paulo Mendes Campos que foi criado a partir de oficinas ministradas por Rubem Penz venceu o Prêmio AGES Livro do Ano 2017 na categoria Crônica. A premiação da Associação Gaúcha de Escritores foi revelada em cerimônia realizada na noite deste sábado (05/08), em Porto Alegre.

A persistência do amor” (Buqui) reúne textos de 15 cronistas que tiveram como motivação o livro “O amor acaba“, de Paulo Mendes Campos, escritor mineiro morto em 1991. As 74 crônicas do livro foram recriadas mantendo o título original.

As crônicas do livro organizado por Penz foram escritas ao longo da oficina “Santa Sede”, ministrada por ele, que também é colaborador da RUBEM. O projeto coordenado por Rubem Penz teve a participação dos seguintes cronistas: Silvia Duncan, Paula Luersen, Linda Grossi, André Hofmeister, Maria Isabel Arbo, Ana Luiza Tonietto Lovatto, Patrícia Franz, Michele Justo Iost, Felipe Basso, José Elias Flores Jr., Tetê Lopes, Marta Leiria, Maria Lucia Meirelles e Dora Almeida.

Alunos da oficina de crônicas “Santa Sede” que rendeu o livro premiado pela AGES. 

Em 2015, um projeto desta mesma oficina, Maria volta ao bar” (Buqui), criado a partir de crônicas de Antonio Maria. já havia chegado à final do Prêmio AGES. Dessa vez, no entanto, coube o primeiro lugar ao projeto de Penz, que recebeu um troféu criado pela artista plástica Lília Manfroi. 

Rubem Penz em meio aos vencedores das outras categorias do Prêmio AGES

Confira a lista de todos os vencedores do Prêmio AGES na categoria crônica:

2017: A persistência do amor – Rubem Penz (org.)/ Buqui

2016: Noites gregas, de Cláudio Moreno – L&PM

2015: Tomo conta do mundo – Diana Corso

2014: A tristeza pode esperar – J.J.Camargo

2013: Retrato de um tempo à meia luz – Jaime Medeiros Junior

2012: Jerusalém – Airton Ortiz

2011: Havana – Airton Ortiz

2010: Flor de Guernica – Pablo Morenno

2009: Agora eu era – Cláudia Laitano

2008: Cartas à minha neta – Armindo Trevisan

2007: O amor esquece de começar – Fabrício Carpinejar

2006: O olhar médico – Moacyr Scliar

2005: A lei primordial – Franklin Cunha

2004: Tipo Assim – Kledir Ramil

2003: Todos os meses – Valesca de Assis e Ana Maldonado

Anúncios
Posted in: Notícias