Miguel Sanches Neto lança obra com 37 crônicas

Posted on 21/07/2015

0



Do Jornal da Manhã:

ESCRITOR PONTA-GROSSENSE LANÇA OBRA COM 37 CRÔNICAS
Miguel Sanches Neto lança sua obra ‘Um menino toca flauta no metrô” amanhã às 19h30, no Centro de Apoio da VCG. Livro é seu quarto volume de crônicas reunidas

O escritor ponta-grossense Miguel Sanches Neto lança nesta próxima quarta-feira (22), às 19h30, no Centro de Apoio da Viação Campos Gerais, o livro “Um menino toca flauta no metrô”.

Esse é seu o quarto volume de crônicas reunidas, publicado pela Container Edições através da Lei Rouanet e da Lei Bepe de incentivo à cultura. O projeto tem o apoio da Fundação Municipal de Cultura de Ponta Grossa.

Com a coletânea “Um menino toca flauta no metrô”, Miguel complementa o volume anterior da coleção, “Uma outra pele”, que também teve o patrocínio da VCG. “Em ‘Uma outra pele’ reuni as crônicas que falavam de leitura, de formação de público para textos literários. Em ‘Um menino toca flauta no metrô’, trato da escrita, das questões da vida do escritor, que tem que se dedicar a escrever. São livros irmãos, complementares. E dão um panorama da atividade literária, tanto no momento da criação quanto da recepção”, explica Miguel.

O livro reúne 37 crônicas onde Miguel explora em textos com humor e leveza, lances da vida de alguém que tudo faz para dedicar a maior parte de seu tempo à escrita. Revelando a sua casa, as suas manias e o seu percurso existencial, o escritor busca criar no leitor uma intimidade com este trabalho contínuo, sem férias, com as palavras, mas com palavras que vêm tanto dos livros quanto das pessoas com quem ele convive. O escritor é uma espécie de ponto de encontro da tradição oral com a literária.

Todos os eventos, mesmo os mínimos, como a presença de uma aranha que todos os dias arma e desarma a sua teia, servem para o autor pensar a sua atividade.

O livro também se dirige aos que pretendem escrever, revelando as crenças de quem se fez um homem-narrativa, uma pessoa cuja identidade está na capacidade de usar a língua com um sentido musical, para que atinja as pessoas sensorialmente.

CONTRIBUIÇÃO
Autor repassará livros ao ‘Pegaí’
Miguel Sanches Neto irá repassar 500 unidades da obra “Um menino toca flauta no metrô” para o programa ‘Pegaí’. Outras 500 unidades serão repassadas para o projeto ‘Biblioteca Cidadã’, que distribui os livros para as bibliotecas paranaenses. Outras 200 unidades serão repassadas para escolas da região e 200 para instituições culturais. “Através das leis de incentivo temos a oportunidade de favorecer a circulação de obras na região”, enfatiza.

Anúncios
Posted in: Uncategorized