Febeapá ganha nova edição

Posted on 09/06/2015

2



A Companhia das Letras deve lançar nas próximas semanas uma nova edição para o famoso “Febeapá“, o “Festival de Besteiras que Assola o País”, do cronista Stanislaw Ponte Preta. A obra reunirá os três volumes publicados pelo autor na década de 60.

Escrito em plena época da “Redentora”, como chamava ironicamente a ditadura, o Febeapá reúne algumas das maiores pérolas ditas ou feitas pelos poderosos do país.

Algumas das besteiras coletadas por Stanislaw e que estarão nesta nova edição:

“Foi então que estreou no Teatro Municipal de São Paulo a peça clássica Electra, tendo comparecido ao local alguns agentes do DOPS para prender Sófocles, autor da peça e acusado de subversão, mas já falecido em 406 A.C..”

“O General Olímpio Mourão Filho doava ao Museu Mariano Procópio, de Juiz de Fora, a espada e a farda de campanha que usava como comandante das forças que fizeram a ‘redentora’ de 1º de abril. Isso é que foi revolução; com pouco mais de dois anos já estava dando peças para museu.”

“Quando se desenhou a perspectiva de uma seca no interior cearense, as autoridades dirigiram uma circular aos prefeitos, solicitando informações sobre a situação local depois da passagem do equinócio. Um prefeito enviou a seguinte resposta à circular: ‘Doutor Equinócio ainda não passou por aqui. Se chegar será recebido como amigo, com foguetes, passeata e festas’”

“Repetia-se em Porto Alegre episódio semelhante ao ocorrido com Sófocles, em São Paulo. O Coronel Bermudes, secretário da insegurança pública, acusava todo o elenco do Teatro Leopoldina de debochado e exigia a presença dos atores e do autor da peça em seu gabinete. Depois ficou muito decepcionado, porque Georgers Feydeau – o autor – desobedeceu sua ordem por motivo de força maior, isto é, faleceu em Paris, em 1921.”

“E quando a gente pensava que tinha diminuído o número de deputados cocorocas, aparecia o parlamentar Tufic Nassif com um projeto instituindo a escritura pública para venda de automóveis. Na ocasião, enviamos os nossos sinceros parabéns ao esclarecido deputado, com a sugestão de que aproveitasse o embalo e instituísse também um projeto sugerindo a lei do inquilinato para aluguel de táxis.”

febeapa

Febeapá – Festival de Besteiras que Assola o País

Stanislaw Ponte Preta

Companhia das Letras, 488 páginas

R$ 54,90 (impresso) e 37,90 (e-book)

Posted in: Uncategorized